Palestras

Prof. Dr. Edson de Oliveira Junior 

Departamento de Informática (DIN) da Universidade Estadual de Maringá (UEM). 

Título: Engenharia de Linha de Produto de Software com SMarty

Resumo: A Engenharia de Software tem sido percebida como uma disciplina transversal ao conhecimento e prática da Ciência da Computação nas últimas décadas. O papel do Engenheiro de Software nunca foi tão importante e valorizado como nos dias de hoje. Com o avanço expressivo do hardware, atualmente, o software se faz presente em quase todas as atividades realizadas pelo ser humano. Tal importância é percebida na demanda de softwares cada vez mais complexos. Dessa forma, qualidade torna-se a característica chave na atividade de desenvolvimento de software. Para atingir a qualidade esperada nos produtos de software existem várias técnicas. Dentre elas uma das mais expressivas é o reuso sistemático de software com base em abordagens como Desenvolvimento Baseado em Componentes, Frameworks e Linhas de Produto de Software. Tais abordagens vêm sendo consolidadas ao longo dos anos na comunidade acadêmica por meio da literatura existente e na comunidade industrial por meio de projetos reais. A abordagem de Linha de Produto de Software (LPS) destaca-se por encorajar o reuso sistemático e não-oportunístico de software por meio de um núcleo de artefatos que podem ser instanciado para um domínio específico e reutilizado na produção de produtos específicos altamente customizáveis. Para tanto, a abordagem SMarty tem sido desenvolvida para apoiar o ciclo de vida de LPS com base na notação UML já consolidada na literatura e em grande parta de indústria. SMarty permite desde a especificação de uma LPS usando estereótipos UML, com apoio substancial à especificação de arquitetura componentizada de LPS até a sua inspeção, teste, otimização e avalição apoiada pelas ISO/IEC 25010, 26550, 26551 e 26555.

Short bio: Possui graduação em Informática e mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Maringá e doutorado em Ciências de Computação e Matemática Computacional pela Universidade de São Paulo (ICMC-USP). Professor adjunto do Departamento de Informática (DIN) da Universidade Estadual de Maringá (UEM). Possui experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Engenharia de Software, atuando principalmente nos seguintes temas: Processos de Software, Linha de Produto de Software, Avaliação de Arquitetura de Software e de Linhas de Produto, Linha de Processo de Software, Gerenciamento de Variabilidades, Métricas e Modelos de Software, Frameworks, Modelagem e Metamodelagem UML, Ambientes de Desenvolvimento e Tecnologias Java.


Tiago SoldáTiago Gazzoni Soldá

Sócio e Gerente de TI da Zallpy Software

Título: Quebra de paradigma: rollout de metodologia ágil em multinacional alemã

Resumo: Apesar da utilização de metodologias ágeis serem praticamente um commodity no mercado, uma das principais barreiras para a sua implantação em empresas gigantes são as barreiras culturais que permeiam gerações de funcionários, acostumados a trabalhar sob determinado prisma. A quebra desse paradigma cultural é fundamental e algumas técnicas de envolvimento serão apresentadas nessa palestra, mostrando o sucesso de um projeto de rollout de metodologia ágil em uma multinacional alemã do ramo de elevadores e escadas rolantes.

Short bio: Casado, 35 anos, pai de uma linda menina de 2 anos. Formado em Análise de Sistemas pela UNISINOS e Pós Graduado em Melhoria de Processos de SW pela Universidade Federal de Minas. Há 17 anos atuando no mercado de TI, passando por todos os estágios de evolução de profissional, desde o desenvolvimento de sistemas, liderança técnica, analista de qualidade, até as atuações recentes dos últimos 10 anos com gestão de projetos, coaching de times ágeis e implantação de metodologias de desenvolvimento de SW. Atualmente, Sócio e Gerente de TI da Zallpy Software, empresa especialista em desenvolvimento de SW com On Going 100% Agile de suas operações, atuando na expansão da empresa e gestão de algumas operações da mesma.


Prof. Dr. Avelino Francisco ZorzoResultado de imagem para Avelino Francisco Zorzo

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. 

Título: Segurança de Sistemas

Resumo: Atualmente muitos sistemas ainda são desenvolvidos sem que os mecanismos corretos de segurança sejam implementados. Desta forma, ataques tem sido constantes e tem prejudicado muitos dos serviços disponíveis através da Internet ou mesmo presencialmente. Assim, esta palestra irá apresentar as principais metas que devem ser atingidas para que um sistema seja realmente considerado seguro. Serão apresentados alguns tipos de ataques e como fazer para se defender deles.

Short bio: Associado da Sociedade Brasileira de Computação (SBC). Possui graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1986-1989), mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1990-1994), doutorado em Ciência da Computação pela University of Newcastle Upon Tyne (1995-1999) e pós-doutorado na área de segurança no Cybercrime and Computer Security Centre da Newcastle University (2012-2013). Atualmente é professor titular da Faculdade de Informática (FACIN) da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Diretor de Educação da Sociedade Brasileira de Computação (SBC), Coordenador Adjunto para Mestrados Profissionais da CAPES/MEC, avaliador de condições de ensino do Ministério da Educação, consultor ad hoc do CNPq, CAPES e da FAPERGS. Atuou como diretor da FACIN/PUCRS entre 2005 e 2011; como diretor adjunto de treinamento e ensino da SUCESU-RS entre 2008 e 2011; membro da diretoria da ASSESPRO-RS entre 2008 e 2011; membro do conselho técnico-consultivo da SOFTSUL; membro do Comitê de Ética em Pesquisa da PUCRS; e, Diretor de Articulação com Empresas da SBC (2013-2015). Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Software Básico, atuando principalmente nos seguintes temas: segurança de sistemas, tolerância a falhas, teste de software, sistemas operacionais e modelagem analítica de sistemas confiáveis.


Prof. Dra. Ingrid Nunes an image

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. 

Título: Engenharia de Software Experimental

Resumo: A Engenharia de Software Experimental tem ganho um papel cada vez mais maior no contexto da Engenharia de Software. Ela envolve a condução de experimentos cujos sujeitos estão relacionados ao desenvolvimento de software, tais como sistemas de software, processos e técnicas para o desenvolvimento de software, recursos, entre outros. Como resultado, obtém se conhecimento acerca do desenvolvimento de software, o que serve para a avaliação de abordagens no contexto de Engenharia de Software, inclusive práticas adotadas na indústria. Nesta palestra, apresentarei fundamentos da Engenharia Software Experimental, introduzindo conceitos da área e descrevendo os passos necessários para a condução de experimentos, desde sua concepção até o relatório. Exemplos serão apresentados envolvendo experimentos conduzidos pelo grupo Prosoft da UFRGS.

Short bio: Prof. Ingrid Nunes é professora adjunta no Instituto de Informática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), e coordenadora do grupo de pesquisa Prosoft. Obteve o título de doutora em Informática também pela PUC-Rio (2012). Seu doutorado foi realizado em cooperação com a King’s College London (UK) e a University of Waterloo (Canadá). Em 2008, recebeu o Google Women in Technology Award (Google). Ela realizou um pós-doutorado na PUC-Rio no Laboratório de Engenharia de Software (2012) e TU Dortmund, Alemanha (2016-2017). Também, ela possui experiência na indústria, onde trabalhou como desenvolvedora de software de 2005 a 2007. Ela é membro da Sociedade Brasileira de Computação (SBC), na qual atua como Secretária Regional no estado do Rio Grande do Sul (RS). Suas principais áreas de pesquisa são engenharia de software e inteligência artificial.


Prof. Dr. André Takeshi Endo Resultado de imagem para André Takeshi Endo

Universidade Tecnológica Federal do Paraná 

Título: Testes Automatizados para Aplicações Móveis: teoria e prática

Resumo: A popularidade de dispositivos móveis tem crescido exponencialmente nos últimos anos. Tal expansão introduziu uma nova classe de software, coletivamente conhecida como aplicações móveis (ou simplesmente, apps). As aplicações móveis trouxeram desafios para a atividade de teste de software, muitos deles podem ser superados com automatização. Assim, o objetivo desta palestra é apresentar os desafios no teste de aplicações móveis e porquê a automatização é importante. Além disso, será abordado o estado atual em testes automatizados para aplicações móveis nas perspectivas do estado da prática e do estado da arte..

Short bio: Possui graduação em Análise de Sistemas pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2005), mestrado em Ciências da Computação e Matemática Computacional pela Universidade de São Paulo (2008) e doutorado em Ciências da Computação e Matemática Computacional pela Universidade de São Paulo (2013). Realizou pós-doutorado na Universidade de São Paulo (ICMC-USP) em 2013. Atualmente é professor adjunto na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), orientando projetos na graduação e pós-graduação. É docente permanente e coordenador no Programa de Pós-Graduação em Informática (PPGI). Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Engenharia de Software, atuando principalmente nos seguintes temas: teste de software, teste baseado em modelo, service-oriented architecture (SOA) e aplicações móveis.


Prof. Dr. Rodrigo Saad Rodrigo Saad

Senior IT Manager at Dell Inc.

Título: Dell IT – Um Caso de Implementação de Métodos Ágeis em grandes organizações

Resumo: O processo de desenvolvimento de software em e para organizações de larga escala traz grandes desafios para entrega de resultados para as áreas de negócio, entre estes ressalta-se dependências entre projetos/iniciativas as quais impactam desde a coleta de requisitos até integrações de aplicações e verificações de qualidade. Ocase Dell irá ilustrar os detalhes de implementação de métodos ágeis no contexto de entrega de soluções para múltiplas áreas de negócio e como tais práticas possibilitaram uma melhor satisfação do cliente em relação a tempo de entrega e qualidade.

Short bio: Profissional de IT com mais de 20 anos de experiência, estando em posições de gestão desde Março de 2007. Formado em Análise de Sistemas e com especializações em Ciência da Computação e Gestão de empresas, ao longo dos anos trabalhou nas posições de Desenvolvedor de Software (Java and .NET), Líder de Desenvolvimento, Arquiteto de Software, Gerente de Projetos, Consultor de TI, Engenheiro de Testes e Gestor de TI. Como Gestor de TI liderou organizações de 12 a 90 pessoas (com times distribuídos em diferentes regiões). Foi também Professor Universitário em disciplinas de Qualidade em desenvolvimento de software.


Prof. Dr. Sandro Camargo Resultado de imagem para Sandro Camargo

Universidade Federal do Pampa

Título: Desenvolvimento de Software no contexto Smart Farming: Desafios e Potencialidades

Resumo: Smart Farming é uma abordagem de gestão de fazendas que engloba o monitoramento, a comunicação, o controle, o planejamento e a análise de dados gerados pela cadeia produtiva agropecuária. O suporte tecnológico a esta abordagem de gestão demanda um ecossistema específico de software e hardware com capacidade de funcionar em um ambiente com uma série de restrições de infraestrutura. Esta palestra visa apresentar alguns desafios e potencialidades para o desenvolvimento de software com foco em Smart Farming no contexto da área de abrangência da Unipampa.

Short bio: Sandro Camargo é doutor em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2010). É professor na Universidade Federal do Pampa desde 2011, onde é docente do curso de Engenharia de Computação, coordenou a especialização em Sistemas Distribuídos com Ênfase em Banco de dados e é Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Computação Aplicada, ofertado em parceria entre Unipampa e Embrapa, com área de concentração em Tecnologias para Produção Agropecuária.